Viveiro Manequinho

Parque Ibirapuera. Foto: Caio Pimenta/SPTuris.

Localizado dentro do Parque Ibirapuera, o Viveiro Manequinho Lopes é um ótimo lugar para quem quer conhecer um pouco mais sobre a natureza e sua diversidade. 

Dedicado à produção de herbáceas e arbustivas, é um dos três viveiros que constituem o DEPAVE-2 (Divisão Técnica de Produção e Arborização), que tem como função principal a produção de mudas de plantas destinadas aos plantios realizados nas áreas públicas municipais, bem como promover a arborização e o ajardinamento.

O Viveiro Manequinho Lopes possui coleções vivas de espécies vegetais com um acervo composto por cerca de 200 espécies diferentes de plantas com potencial paisagístico.

O local abrange:
- 10 estufas (casas de vegetação)
- 97 estufins (canteiros suspensos)
- 3 telados (estruturas cobertas com tela de sombreamento) 
- 39 quadras entre quadras de matrizes e de estoque de mudas, prontas para o fornecimento aos órgãos públicos municipais.

História do Viveiro Manequinho Lopes
Grande conhecedor da área do Ibirapuera, Manoel Lopes de Oliveira Filho (diretor da Divisão de Matas, Parques e Jardins) quem teve a ideia de implantar o viveiro, contando com a ajuda de Arthur Etzel (chefe da Subdivisão de Parques e Jardins) e de Erwin Burckhardt (chefe viveirista). O terreno era pantanoso e, para resolver este problema, Manoel, que tinha o apelido de Manequinho Lopes, plantou muitos eucaliptos australianos no local para a eliminação do excesso de umidade do solo. 

Depois, deu início ao plantio de espécies destinadas ao embelezamento das ruas, parques e jardins de toda a cidade: árvores nativas e árvores exóticas como pau-ferro, ipê, pau-brasil, pau-jacaré, tipuana, flamboyant, sibipiruna, bem como o cultivo de arbustos, trepadeiras e flores.

Parque Ibirapuera. Foto: Caio Pimenta/SPTuris.

 Em 1938, Manequinho ficou doente e faleceu. Para homenageá-lo, o prefeito deu o nome de Viveiro Manequinho Lopes para o viveiro municipal. Arthur Etzel, filho de Antonio Etzel (administrador do Jardim Público-Luz), se tornou o novo chefe do Viveiro e trabalhou no Ibirapuera em diferentes funções por mais de 50 anos. Em 1993, o Viveiro Manequinho Lopes foi restaurado e Burle Marx fez um novo projeto para o viveiro, valorizando o verde. Depois de revitalizado, foi reentregue à população no dia 24 de março de 1994.

 

Serviço:

Viveiro Manequinho Lopes
End.: Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Portão 7A – Vila Mariana – zona Sul – São Paulo.
Local: Parque Ibirapuera.
Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h.
Grátis.
Tel.: (11) 3887–6761.

 



As atrações e/ou informações sobre eventos que constam neste site estão sujeitas a mudanças e alterações sem aviso prévio. Evite surpresas telefonando antes de visitar as atrações ou eventos.






Banner
Banner


ARTIGOS MAIS LIDOS