Pateo do Collegio

 Pateo Collegio_100513_Foto_JoseCordeiro_0012 (2)

Pateo do Collegio. Foto: José Cordeiro/SPTuris.

Em meio aos arranha-céus e à efervescência de negócios que ocorrem na cidade, o centro guarda também o Pateo do Collegio, berço dessa que se tornou uma das maiores metrópoles do mundo. Foi o local onde São Paulo nasceu, a partir da construção de uma pequena cabana de pau a pique onde se reuniam 13 jesuítas, entre eles José de Anchieta e o padre Manoel da Nóbrega, empenhados em catequizar os nativos.

Na época, localizado no alto de uma colina e cercado dos rios Tamanduateí e Anhangabaú, o lugar, chamado de Vila São Paulo de Piratininga, era uma opção estratégica de segurança.

Pateo do Collegio. Foto: José Cordeiro/SPTuris.

A cerimônia oficial da fundação da cidade ocorreu no dia 25 de janeiro de 1554. Esta é também a data da conversão do apóstolo Paulo, o que originou o nome da capital. Em dezembro de 1556, a casa foi ampliada para abrigar o colégio dos jesuítas. Com a expulsão dos religiosos determinada em 1759 pelo Marquês de Pombal, o Pateo do Collegio se tornou o Palácio dos Governadores entre os anos de 1765 e 1908. Nessa época grande parte do acervo da igreja se perdeu devido a um desmoronamento.

O local só voltou à sua vocação original entre 1932 e 1953, quando foi transformado em Secretaria da Educação. Em 1954 a Companhia de Jesus iniciou o projeto de reconstrução do colégio que só terminou em 1979, com a fundação do Museu do Padre Anchieta e da Igreja Beato Anchieta.

Hoje o complexo abriga atividades culturais. O museu, composto por sete salas, expõe coleções de arte sacra, uma pinacoteca, objetos indígenas, uma maquete de São Paulo no século XVI, a pia batismal e antigos pertences de Anchieta, entre outras coisas.

Museu do Pateo do Collegio. Foto: José Cordeiro/SPTuris.

O visitante pode ainda conhecer a Biblioteca Padre Antonio Vieira, onde está um acervo precioso de livros de história, e participar da missa rezada por jesuítas. Lá também são realizados congressos, cursos, oficinas de artesanato e pintura e apresentação de música clássica no projeto Vem pro Pateo no Domingo, que acontece todo terceiro domingo do mês.

Como um dos principais símbolos da história paulistana, o lugar ainda preserva a grafia original do português arcaico. Viaje no túnel do tempo e se surpreenda com o início da trajetória de uma das mais importantes cidades da América Latina.

 

Serviço:

Pateo do Collegio
End.: Praça Pateo do Collegio, 2 - Centro - São Paulo (próximo ao metrô Sé)
Horário de funcionamento: de terça a domingo, das 9h às 16h30. Para visita monitorada é preciso agendar de segunda a sexta, das 13h às 16h
Preço: Museu Anchieta - R$ 6 (inteira), R$ 3 para estudantes, R$ 2 para alunos de escola pública. Gratuito para crianças de até sete anos, pessoas maiores de 60 anos e deficientes físicos.
Tel.: (11) 3105-6898
Site: www.pateocollegio.com.br

Atrativo turístico acessível: clique aqui e confira os recursos de acessibilidade disponíveis.

 



As atrações e/ou informações sobre eventos que constam neste site estão sujeitas a mudanças e alterações sem aviso prévio. Evite surpresas telefonando antes de visitar as atrações ou eventos.






Banner
Banner


ARTIGOS MAIS LIDOS