Home Notícias Como ser hipster em São Paulo

 

 

 

Como ser hipster em São Paulo


life-864364_1920

O visual hipster é fácil de ser identificado, apesar das muitas vertentes. Foto: Divulgação.

Entre as diversas tribos urbanas presentes em São Paulo, há uma que pertence a um contexto social subcultural da classe média urbana, que existe em contrapartida ao mainstream – a tudo aquilo que faz parte da tendência dominante do momento.

RetroHair7

Tatuagens fazem parte do imaginário hipster. Foto: Divulgação.

São os hipsters, aquela galera que curte usar chapéu, barbas, bigodes, óculos de sol, coisas antigas – ou vintage –, tatuagens, comidas orgânicas e tudo isso, é claro, com o máximo de estilo possível.

FridaMina_sorveteria_visita_Pitico

Sorveteria Frida&Mina leva sua bike ao Pitico. Foto: Divulgação.

Além de consolidar o uso de expressões como o “antes de ser modinha” e trazer de volta ícones alternativos antigos, o grupo que tomou conta do movimento cultural no mundo trouxe também grande influência para a metrópole.

Antiguidades-Retro-63_160915_Foto_JoseCordeiro_0023

Produtos antigos, como os do Retrô 63, fazem sucesso. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Por isso, você que é hipster e segue à risca o jeito underground de ser, confira algumas dicas de lugares descolados na capital, seja para se divertir ou ajudar a compor o look!

Barbearia2

Barbeiros e cabeleireiros têm grande importância para o hipster. Foto: Divulgação.

Comer/Beber

Ramona_Drinks

Bares e restaurantes preparam coquetéis para a clientela. Foto: Divulgação.

Localizado no Centro, a Casa Ramona tem charme próprio e aposta em pratos contemporâneos e receitas criativas e um piano de uso livre para atrair a clientela.

Ramona4

Cliente toca piano na Casa Romana. Foto: Divulgação.

A palavra chez em francês significa “na casa de”. Com esse espírito intimista, o grupo Chez comando um bistrô elegante e receptivo na Oscar Freire, o Chez Oscar.

Chez3

Como todo bom moderninho, o Chez não usa pratos para servir alguns dos pedidos. Foto: Divulgação.

Já o Mandíbula, que fica localizado na Galeria Metrópole, além das comidinhas também vende vinis para os apaixonados por música.

Mandibula6

Banda se apresenta no Mandíbula. Foto: Divulgação.

Cadeiras de praia, falafel, bar, café e quitanda, tudo isso reunido em uma praça com contêineres para acomodar todo mundo. É o Pitico, próximo ao Largo da Batata.

Pitico1

Público lota Pitico em dia de sol. Foto: Divulgação.

O que começou como foodtruck conquistou o sonho da casa própria e hoje vende suas massas na Vila Madalena. O Holy Pasta vive lotado, servindo generosas massas.

Holy_Pasta

Holy Pasta ainda roda as ruas da cidade, além da sede fixa. Foto: Divulgação.

Balada

Chez1

DJ's animam a noite dos hipsters. Foto: Divulgação.

O Alberta 3 tem em seu andar térreo e no primeiro piso sofás e mesas para todos se acomodarem e dividirem boas risadas. No subsolo é onde rola a festa, que bomba ao som de rock independente.

Alberta3

Alberta 3 tem pista animada. Foto: Divulgação.

Ocupando um antigo prédio no Centro, a Trackers é um espaço que recebe os mais diversos tipos de festa, com suas paredes grafitadas e várias salas que funcionam como pista de dança.

Casa92_1

Jardim da Casa 92. Foto: Divulgação.

Íntimo e misterioso, esse é o Bar Secreto, que sem fazer alarde atrai moderninhos e famosos, até a Madonna já passou por lá, que curtem rock e eletrônico.

Bar_Secreto_2

Aura misteriosa faz do Bar Secreto um sucesso. Foto: Divulgação.

Sempre apostando no novo, a Casa 92 promove festas entre quatro paredes e na área externa do jardim, se aproveitando de todo o espaço da antiga residência.

Casa92_2

Público curte festa na Casa 92. Foto: Divulgação.

Ao ar livre

MIS_1

Público hipster se diverte ao ar livre no MIS. Foto: Divulgação.

Para quem gosta de passear ao ar livre, a Praça Benedito Calixto é um prato cheio, com opções de comida, objetos antigos e muito mais!

Chez6

Não falta comida em eventos hipsters. Foto: Divulgação.

O MIS, além de suas badalas exposições, promove aos fins de semana diversas feiras e eventos culturais, com música e boas opções de comidinhas.

MIS_2

Festa de aniversário do MIS teve várias atividades ao ar livre. Foto: Divulgação.

Com um entorno ricamente ocupado por teatros e bares, a Praça Roosevelt, além de skatistas, recebe diversos eventos culturais da cidade, de feirinhas a shows.

Mandibula1.jp8

Shows de bandas independentes são constante no mundo hipster. Foto: Divulgação.

Já o famoso Minhocão se transforma aos fins de semana, virando um parque público. Além de apresentações de teatro, brechós e outras intervenções tomam conta do asfalto.

MIS_4

Donos levam seu pet para passear. Foto: Divulgação.

Compras

Antiguidades-Retro-63_160915_Foto_JoseCordeiro_0020

Vintage é a ordem na hora das compras. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Hipster que é hipster se veste com a última moda de décadas passadas e os brechós são os favoritos na hora de montar o guarda roupa, como o B Luxo, que garimpa peças do mundo inteiro.

BLuxo2

Cliente procura peça de roupa no B Luxo. Foto: Divulgação.

Ou então uma loja como a Endossa, um espaço colaborativo de vendas em que os desejos do público influenciam diretamente em quais marcas serão expostas.

Chez4

Balcão do Chez serve comida e bons drinks. Foto: Divulgação.

E até mesmo a Chico Rei, que apesar de vender apenas novidades no mercado, possui um estilo próprio que casa bem com o jeito hipster de ser.

Minhocao1

Teatro ocupa o Minhocão aos domingos. Foto: Divulgação.

E para caprichar na aparência de casa também, a Retrô 63, na Vila Madalena, vende móveis e objetos de decoração antigos, cheios de beleza e nostalgia.

Antiguidades-Retro-63_160915_Foto_JoseCordeiro_0017

Objetos antigos, como este telefone na Retrô 63, são alvo de muitos hipsters. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Cultura

Pitico2

Falafel do Pitico faz sucesso em Pinheiros. Foto: Divulgação.

Para saciar o apetite cultural, o Sesc Pompéia é perfeito pela variedade, de exposições a shows de artistas independentes, além da própria arquitetura do espaço.

sescpompeia1

Espaço do Sesc recebe diversos eventos culturais. Foto: Divulgação.

Para os fãs da telona, o Cine Sesc oferece, além da programação regular, palestras e festivais que fogem do circuito comercial de cinema.

cinesesc1

Fila com direito a pipoca no Cine Sesc. Foto: Divulgação.

A Cinemateca também aposta em filmes fora do eixo, além de guardar grande parte do acervo cinematográfico do país.

Ramona_2

Público curte noitada no Ramona. Foto: Divulgação.

Beleza

MIS_3

Público se diverte em evento no MIS. Foto: Divulgação.

Para o homem hipster, a barba possui grande importância no visual. E nada melhor do que uma barbearia às antigas para cuidar dela, com direito a navalha e toalhas quentes, como a Barbearia 9 de Julho.

Barbearia

Barba bem cuidada é pré requisito no visual. Foto: Divulgação.

Para o cabelo, e barba também, o Retro Hair tem decoração oldschool, com direito a carro antigo no salão, e aposta em cortes cheios de estilo.

RetroHair1

Decoração do RetroHair remete ao passado. Foto: Divulgação.

Outra opção para os moços, a Barbearia Corleone também oferece um chope gelado para acompanhar o trabalho das tesouras.

Barbearia3

Barbearias no estilo oldschool fazem sucesso na cidade. Foto: Divulgação.

Outra opção para quem quer mudar o cabelo, o Hair Pin é uma boa pedida para cortes modernos e clássicos.

RetroHair5

Tesouras não param de trabalhar em salões como o do RetroHair. Foto: Divulgação.

 



As atrações e/ou informações sobre eventos que constam neste site estão sujeitas a mudanças e alterações sem aviso prévio. Evite surpresas telefonando antes de visitar as atrações ou eventos.






Banner
Banner


ARTIGOS MAIS LIDOS