Visite: entre em contato com um guia ou agente local.

Equipe fomentadora do Polo - empresários e agentes públicos

Créditos: José Cordeiro | SPTuris

Assim nasceu o site de Ecoturismo

O Polo de Ecoturismo de São Paulo está nascendo: a região de Parelheiros, Marsilac e Ilha do Bororé ganhou um novo site para divulgação das atividades turísticas – um projeto liderado pela São Paulo Turismo (SPTuris), empresa de turismo e eventos da cidade de São Paulo, e que contou com o apoio de diversos órgãos da Prefeitura e entidades do setor:

– Secretaria do Governo Municipal
– Secretaria Municipal de Coordenação das Subprefeituras
– Subprefeitura de Parelheiros
– Subprefeitura da Capela do Socorro
– Secretaria Municipal de Transportes
– Companhia de Engenharia de Tráfego – CET
– São Paulo Transportes – SPTrans
– Secretaria Municipal de Segurança Urbana
– Secretaria Municipal do Verde e Meio Ambiente
– Secretaria Municipal do Desenvolvimento, Trabalho e Empreendedorismo
– Supervisão Geral de Abastecimento – Abast
– Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano
– Secretaria Municipal de Cultura
– Conselho Gestor do Polo de Ecoturismo de São Paulo – Congetur
– Associação de Micropousadas, Turismo, Eventos, Comércio e Indústrias de Parelheiros (AMTECI)

Uma equipe da SPTuris se hospedou na região para levantamento de informações e de imagens. O trabalho teve apoio da Subprefeitura de Parelheiros, da Defesa Civil e da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente, além de parceiros e empresários da região e dos próprios moradores.

Conselho Gestor Polo_110814_Foto_JoseCordeiro_0042

Formação do Conselho Gestor em 11/08/14. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Conselho Gestor Polo_110814_Foto_JoseCordeiro_0067

Formação do Conselho Gestor em 11/08/14. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

Conselho Gestor Polo_110814_Foto_JoseCordeiro_0051

Formação do Conselho Gestor em 11/08/14. Foto: José Cordeiro/ SPTuris.

O objetivo do site é mostrar os melhores atrativos para visitação e passeios, como os parques e reservas florestais, cachoeiras, fauna e flora, vida selvagem, borboletário, aldeias indígenas, além de centros culturais e religiosos, como o Centro Paulus, o Solo Sagrado de Guarapiranga e o Asé Ilê do Hozooane (centro cultural e religioso de cambomblé). Também damos as dicas para o turismo de aventura (rapel, rafting, turismo de bike etc.) e revelamos os produtores locais de agricultura orgânica.

Visite e aproveite o lado verde de umas das maiores cidades do mundo!